www.srtupan.com.br

Duchy Originals
Notícias Blogs

20 Agosto 2018

Programa Sindicato Forte é retomado pelo Sistema Farsul

Presidentes e funcionários de mais de 90 sindicatos rurais estiveram reunidos na sede da Farsul para participar da retomada do Programa Sindicato Forte. Em forma de seminário, os participantes assistiram uma série de palestras, entre terça e quinta-feira (14 a 16.08), com o objetivo de fortalecer a atividade sindical e buscar novas opções de serviços a serem oferecidos aos associados.

O presidente do Sistema Farsul, Gedeão Pereira, ressaltou a importância de levar aos produtores informações sobre os sindicatos, as federações e a CNA para que entendam toda a atuação econômica e política que estas entidades promovem em defesa de políticas públicas e legislações em favor do produtor rural. O evento contou ainda com a presença de representantes da CNA, do Senar Administração Central e de sindicatos gaúchos e de outras partes do Brasil que trouxeram suas experiências.

O superintendente do Senar-RS, Gilmar Tietböhl, defende que "as ações do programa Sindicato Forte têm o potencial de fortalecer não apenas o sistema sindical do Estado, bem como todo o agronegócio do País". Tietböhl destacou a importância da união dos esforços a partir dos interesses em comum dos sindicatos, apesar das particularidades de cada região, para que possam promover soluções que fortaleçam o sistema.

Os Sindicatos Rurais de Alegrete, Venâncio Aires, Palmeira das Missões e Viamão, do Rio Grande do Sul, e Barbacena, Minas Gerais, e Rio Verde, em Goiás, mostraram o conjunto de serviços oferecidos pelos sindicatos aos membros que são associados. As ações vão de serviços de saúde a assistência técnica nas propriedades, assistência jurídica e contábil, além da promoção de eventos com atrações que atendem a um vasto público e cuja bilheteria é revertida para o Sindicato. O objetivo foi trocar experiências, relatar iniciativas de sucesso e levar ideias de volta aos seus Estados.

De acordo com o assessor da Presidência do Sistema Farsul, Derly Girard, que faz parte do comitê gestor do Programa, a mobilização dos sindicatos em torno do tema revela a importância da retomada do Sindicato Forte. "Durante a realização do evento foram surgindo ideias de novas ações. Algumas delas já começaram a ganhar corpo aqui mesmo, como, por exemplo, a demanda por mais acesso ao crédito rural que nos motivou a convidar representantes dos bancos para discutir a questão com os presidentes", afirma Girard.

De acordo com o consultor do Senar Administração Central, Olympio Bezerra, é importante que os sindicatos conheçam o público do meio rural para promover ações que tenham relevância. "As informações preliminares do censo agropecuário dizem muito sobre a situação do campo. Somos 7,4% da população brasileira com uma faixa de idade alta produzindo para alimentar toda a população e ainda exportar. A juventude tem que participar e ser aliada do sistema. Para isso, precisamos desenvolver novas formas de abordagem que atendam às particularidades deste público. Não basta apenas promover eventos, é preciso cativar", afirma Bezerra.

O Programa Sindicato Forte não se resume a realização de reuniões. De acordo com o assessor da superintendência do Senar-RS, Antonio José Aguinaga, que faz parte do comitê gestor do Programa Sindicato Forte, as próximas etapas compreendem a elaboração de um diagnóstico da situação de cada sindicato, visitas de representantes do Sistema Farsul e da CNA às associações para elaboração e implementação de um plano de ação. Além destas etapas, outras iniciativas fortalecem o Programa Sindicato Forte, como ações para capacitação e formação de lideranças, ações junto às comissões de jovens em colaboração com sindicatos rurais, entre outros.

Fonte: Imprensa Sistema Farsul

Esta notícia possui arquivos para download: